Evolução: Infográficos Copa do Mundo [Oficiais]

O Brainstorm #9 resgatou e reuniu a evolução dos infográficos e letreiros apresentados durante a transmissão dos jogos oficiais da Copa do Mundo. Além das informações imprescindíveis que eles apresentam para orientação do jogo, eles são os principais elementos de identificação do evento, além da vinheta oficial.

A empresa italiana Deltrate, especializada em eventos esportivos, é a responsável desde a Copa do Japão pelo sistema  de dados e design dos esquemas informativos. E a partir da participação juntamente com os aprimoramentos técnicos da computação gráfica e  do próprio veículo televisivo que a qualidade visual desses elementos visuais na tela apresentaram um grande salto, tirando de cena gráficos poucos inspirados e minimalistas com caracteres serrilhados sobre sombreados grosseiros para a introdução de elementos tridimensionais mais modernos, envolventes, melhor estruturados e com acabamentos de forma, cores e movimento infinitamente superiores.

>>> México 1986

>>> Itália 1990

>>> EUA 1994

>>> França 1998

>>> Coréia e Japão 2002

>>> Alemanha 2006

>>> África do Sul 2010

>>> Postado por André Luiz Sens

>>> Contribuições: Brainstorm #9

Evolução: Aberturas Copas do Mundo Oficiais.

A partir do excelente acervo publicado pelo parceiro LogoBR, segue as vinhetas de abertura oficiais das transmissões dos Mundiais da FIFA  a partir de 1986. Obviamente, não há muitas variações em torno do tema e dos elementos simbólicos utilizados, mas o interessante é notar as diferenças de linguagem e conceito empregadas em cada um dos vídeos que ilustram de certa forma a evolução estética e técnica do próprio processo evolutivo do design televisivo.

Qual foi a abertura que você mais gostou?

>>> México 1986

>>> Itália 1990

>>> EUA 1994

>>> França 1998

>>> Coréia e Japão 2002

>>> Alemanha 2006

>>> África 2010

>>> Postado por André Luiz Sens

(Se alguém conseguir encontrar vinhetas de transmissões anteriores a 1986, não deixe de postar seu comentário com o link, que logo será atualizado.)

Evolução: Identidade Visual Telefe

Segue abaixo o primeiro post do novo colaborador do Televisual,  Micael Silva Magalhães:

Através da privatização do Canal 11 de Buenos Aires nascia em 1989 a Televisión Federal – Telefe, o primeiro canal argentino a se desligar da sua nomenclatura como canal e a constituir uma marca própria. Uma história curta se compararmos a padrões brasileiros, mas muito movimentada em matéria de conteúdo visual. O conceito da sua marca, criado em seu departamento gráfico em 1990 por David Ratto, se baseia em três bolas coloridas no esquema RGB – Vermelho, verde e azul, as cores primárias que formam as imagens eletrônicas – alinhadas as sílabas do seu nome. Um conceito muito simples (que muitas vezes flerta fortemente com o simplório) que nestes 20 anos variou muito, marcando altos e baixos.

Desfazendo os longos anos de fragmentação da TV argentina, em seus anos iniciais a Telefe se afirmava fortemente como uma rede, como demonstrava na sua vinheta pré-programas que lembrava sempre aos telespectadores deste fato.

Com a evolução das técnicas de moldagem e renderização em 3D a vinheta foi sendo aperfeiçoada, mas mantendo sempre a mesmo objetivo.

Como um país de grande latitude, a Argentina tem estações do ano bem marcadas e a identidade visual da Telefe em seus anos iniciais investiu bastante em transportar estas idéias para a televisão. Bumpers temáticos foram criados para serem veiculados em certas estações do ano. Até mesmo dias chuvosos ganhavam um bumper especial.

A primeira mudança radical no visual da emissora ocorreu na virada do ano 2000: As sílabas do nome se separam do logotipo, dando destaque às bolas coloridas:

O slogan “Juntos todo bien” inicia uma estratégia que seria muito usada nos anos seguintes, de forte apelo emocional com o telespectador. Aqui no Brasil, o SBT se inspirou na mesma ideia do slogan-assinatura Telefe, que era parceira da emissora na época, para a produção da versão nacional de Chiquititas, para fazer sua campanha “Na nossa frente só você”:

Já em 2001 uma novo slogan vai ao ar: “Un sentimiento”. O modelo simplista da assinatura em fundo branco é sustituido uma uma grande gama de elementos abstratos que chegam a roubar a atenção do logo em algumas peças. Não chega a ser uma identidade totalmente fechada, pois algumas vinhetas acabam fugindo do padrão

Nos anos de 2002 e 2003 o slogan é mantido, mas os grafismos se simplificam e ganham uma nova trilha. Argolas flutuantes dão um ar de leveza às vinhetas.

Chegando em 2003 a Telefe lança uma nova campanha que e mantém como uma das mais lembradas até hoje. “Siempre” é o slogan desta nova fase que chega com muito investimento em cores e da volta do nome associado ao logo das 3 bolas coloridas, mas agora alinhado à direita. O grande destaque fica por conta da trilha sonora que acompanha muito bem o ritmo das animações. Já o ponto negativo fica para o falso 3D usado nas bolas, muito parecido com que a Band usou em 2008 na vinheta “Noites da Band”.

Outra boa criação desta fase foi a abertura do Telefe Notícias, totalmente feita através da montagem de cenas do dia a dia das equipes de reportagem. Provavelmente a abertura da temporda 2010 do CQC foi um pouco inspirada aqui.

Para 2005 o “Siempre” ganha novos efeitos abstrato-circulares e bem mais harmônicos.

A virada de 2005 para 2006 marcou a entrada de um novo slogan: “Buena tele. Buena fe” e a introdução de uma abreviação ao nome da emissora: TLF.

Chegando em 2008 a Telefe tenta reintroduzir a modelagem 3D em sua comunicação visual, mas tem uma implementação muito precária. Ironicamente o slogan que viria acompanhar esta fase seria “Una buena señal”. O excesso de cores e a falta de criatividade na escolha das tipologia estragaram uma boa intenção de reformulação.

Erraram feio, mas corrigiram bem rápido: No mesmo ano novas vinhetas, mais neutras, foram ao ar.
Ainda neste mesmo ano de 2008 aconteceu mais uma experiência: Tirar as cores RGB e fortalecer a marca da Telefe como bolas monocromáticas, o que acabou não dando muito certo, ficando bem pouco tempo no ar.
Encerramos nossa viagem através da história em 2009 com a estréia da atual identidade visual do canal, ainda mais minimalista, baseada fortemente em cores e a primeira produzida em alta definição.

>>> Postado por Micael Silva Magalhães

>>> Contribuições: Joan Costa em “Identidad Televisiva en 4D”

Se você quiser também ser um colaborador ou parceiro do Televisual, mande um e-mail para: andrelsens@gmail.com. Você será muito bem vindo! :D

Evolução: Identidade Visual Sony Entertainment Television

título sony evolução identidade visual

A marca Sony, que antes era conhecida com uma empresa voltada a produção de eletrônicos, como televisores e equipamentos de sons, acabou se tranformando em uma grande indústria do entretenimento, que avançou a área tecnológica e passou a participar do cenário cultural, com formação de empresas como a Sony Pictures e o Sony Entertainment Television (SET), o canal televisivo de séries que foi lançado em 1995 em alguns países e se espalhou pelo mundo.  No entanto, os lugares que o canal ganhou mais destaque foi a Índia e a América Latina.

Nos lugares que o canal estreara não havia necessariamente uma unidade comunicacional nas vinhetas e chamadas. Há inclusive poucas referências desse período inicial. O que já havia era a marca que trazia o logotipo da Sony juntamente com um novo símbolo, que nada mais era que parte de uma letra S dentro de um retângulo. No entanto, não apresentava uma unidade cromática. Sua cor modificava a cada vinheta, bem como tratamentos tri ou bidimensionais. Todo esse colorido, além da presença constante de pessoas nas mais diversas situações surreais, se justificavam na tentativa de suscitar a marca Sony caraterísticas emocionais, fugindo principalmente do enfoque tecnológico de seus produtos.

marcas sony entertainment television

Com a disseminação do canal pelos países, a identidade visual assumiu ao longo do tempo comportamentos diferenciados de acordo com aspectos culturais e comerciais de cada região.

identidade visual sony 1999 a 2002

Em algumas regiões, como a Índia, Espanha e EUA preferiu-se adotar uma marca colorida com as famosas cores RGB. Em outros, como alguns países africanos,  uma versão monocromática em azul foi a escolhida. Para essas duas versões, as vinhetas apresentam a mesma estética limpa e orgânica aliada a um conceito de sofisticação e emoção. Nelas, o que basicamente se vê são variações de um fluido azul que interage com pessoas e constrói a marca.

identidade visual sony veo 2007

Já a América Latina assumiu um conceito e uma linguagem completamente diferenciados que se destacam em relação aos demais pela autenticidade, criatividade e apuro estético. O estúdio Totuma assumiu a partir de 2003 a identidade visual do canal SET de toda a América Latina. Isso porque o canal estava promovendo uma mudança em sua programação, principalmente com a  inclusão dos reality shows. Baseado no slogan “100% Atitude”, as vinhetas ampliaram o dinamismo já presente com um toque de irreverência. Formalmente, trabalhou-se com a ideia de sujeira e bagunça, através de manchas espalhadas sobre superfícies lisas. Um esquema de cores especial foi também criado baseando nos dias especiais de programação – verdes para as “Segundas de Limão” (destinadas a dramas) e laranjas para as “Quintas de Moranga” (destinadas ao humor) – enquanto o azul preenchia todo o resto da semana.  As pessoas continuaram interagindo na identidade, revelando os sentimentos como divertimento e bom humor, que o novo posicionamento queria trazer.

identidade visual sony 2003

Uma repaginação foi realizada em 2005, mantendo o mesmo conceito “100% Atitude”. As manchas e os letreiros, entretanto, ganharam um pouco mais de profundidade e novas movimentações, tornando as composições ainda mais orgânicas e impactantes. As pessoas foram reduzidas a pequenas silhuetas que se confundiam entre as formas. E mais uma faixa semanal foi criada: as “Quartas de Bum” (feitas para séries de ação), representada nas chamadas pela cor vermelha.

identidade visual sony 2005

Já em 2007, o SET muda completamente intensificando seu caráter irreverente, assumindo um lado ainda mais humorado e lúdico. A paleta cromática foi alterada para cores mais fluorescentes e contrastantes. Para contrabalancear tanta cor, a presença do branco foi fundamental para o equilíbrio das composições. Nota-se também um cuidado especial com as chamadas que revelam as caraterísticas principais de cada um dos programas, através de grafismos dinâmicos e figuras estilizadas em conjunto com fotos das personagens dos programas.

Outro detalhe é a substituição das faixas semanais por faixas de gêneros: Mentes perigosas (relacionado ao mundo feminino) e Machos de Respeito (relacionado ao mundo masculino). Cada uma dessas faixas ganharam uma identidade própria na programação, mantendo obviamente a estética geral do canal.

Com essa nova identidade, o canal adota uma estratégia similar a MTV brasileira e simplifica de vez a marca, eliminando o logotipo e o retângulo do símbolo, conferindo mais limpeza e pregnância visual.

No Brasil, a identidade do canal fica a cargo do estúdio Nitroglicerina, que participa da criação de vinhetas especialmente produzidas para o público brasileiro, sem interferir no restante criado pelo Totuma.

identidade visual sony 2007

>>> Postado por André Luiz Sens

>>> Contribuições: Lucas

(atualizado em: 24.09.2010)

Identidade Visual: Nickelodeon [Rebrand 2009].

título marca nickelodeon 2009

A identidade visual do canal Nickelodeon vai mudou. E para confirmar isso, alguns produtos do canal já podem ser vistos com a nova marca.

marca antes e depois nickelodeon

aplicações marca 2009 da nickelodeon

Essa é a primeira mudança depois de 25 anos, quando a conhecida mancha laranja mutante foi instituída em 1984, 3 anos depois da primeira marca tridimensional, metalizada e multicolorida, que se assemelhava a atual marca da TV Globinho da Rede Globo.

evolução marca nickelodeon

Mas como um canal voltado para um público ávido por novidades conseguiu se estabelecer sem mudanças em sua identidade? A resposta está na prinicipal característica de sua marca, denominada de cambiante, na qual não há uma forma fixa e constante, ao mesmo tempo que se mantém alguns aspectos formais ou cromáticos para que não haja uma descaracterização ou perda de uma coerência ou consistência semântica. No caso da Nickelodeon o que se mantinha era o logotipo e a cor laranja, enquanto que a forma variava radicalmente em suas aplicações, principalmente nas vinhetas que variavam durante os anos e entre os diversos países que transmitem o canal. Essa identidade foi criada pelos designers Scott Nash, Tom Corey  e Alan Goodman na agência Fred/Alan, onde também foi criada o famoso símbolo do canal MTV. Afinal ambas pertecem ao grupo MTV Networks. Aliás, a MTV é outro famoso e importante exemplo de marca cambiante. Embora alguns designers mais conservadores não considerem esse um atributo adequado, já que quebram alguns paradigmas de um tradicional sistema de identidade visual, esses projetos gráficos mostram que é possível fortalecer a marca através do dinamismo e movimento, qualidades inerentes principalmente ao meio televisivo.

variações da marca nickelodeon

Neste ano, no entanto, parece que ambos os canais perceberam uma necessidade de voltar a uma estratégia mais tradicional, em busca da renovação. Como já foi comentado no blog, a MTV Internacional já extinguiu as aplicações variadas de texturas e cores no seu “M” grafitado.

Já no caso na Nickelodeon, a identidade muda completamente. Isso se justifica principalmente pela falta de uniformização de comunicação dos produtos criados diante do sucesso da marca Nickelodeon, como outros canais, produtos, eventos, blocos específicos na programação, entre outros. O manual criado pelos criadores, mesmo com tantas possibilidades, já apresentava restrições a esse crescimento.

Segundo o próprio presidente da empresa, Cyma Zarghami, a empresa pretende promover uma limpeza visual e reforçar a marca nesses mais diversos produtos.

variações de produtos da marca nickelodeon

A nova marca é formada apenas por um logotipo com uma tipografia mais contemporânea que a anterior. A forma fluida bastante característica da antiga identidade agora fica restrita de forma mais sutil na letra “i”, que lembra uma gota. Outro elemento que permanece também é a cor laranja.

marca nickelodeon 2009

Seus produtos mantêm, portanto, a estética formal da marca utilizando a mesma tipografia, mantendo assim uma consistência formal. No entanto, o tratamento dado a cada uma delas varia entre aspectos tridimensionais e gradientes, além da aplicação em leiautes com identidades distintas (como se vê nos sites). Isso acaba comprometendo em parte toda essa unidade.

antes e depois marcas dos produtos nickelodeon

aplicações sites nickelodeon

Um dos produtos da Nick  já tem data marcada (dia 28 de setembro) para a mudança. É o canal “The N“, que se tranformará no “Teen Nick”, já adotando esse novo conceito, que é de responsabilidade da agência Lifelong Friendship Society.

vinheta teen nick

Segue o vídeo de relançamento da marca, além de algumas vinhetas que revelam um pouco da história do canal:

>>> Postado por André Luiz Sens

>>> Contribuições: Brand New, IDSGN e Com Limão

Identidade: No Limite [2009]

título identidade visual no limite

Para quem está acompanhando a 4ª edição do No Limite, percebeu algumas mudanças em relação ao formato, principalmente no quesito da interatividade. No entanto, em relação a estética basicamente inspirada em um ambiente rústico e tribal continua.

Continue Lendo

Evolução: Identidade visual do canal Five.

título evolução canal five

evolução marcas five

Foi lançado em 1997 um novo canal aberto que trazia mais uma opção de informação e entretenimento aos ingleses. Com o nome Channel 5, adotando o número de acesso, o canal trouxe já em sua estréia um conceito diferente calcado na diversão e na irreverência. Isso já ficava claro no vídeo de lançamento que trazia uma clipe com o grupo Spice Girls especialmente produzido com uma música que continha o slogan  “Give me 5!” (Dá me 5). Nesse clipe, o que mais chamava atenção, além das cantoras, era a profusão de cores . Todas essas cores, na verdade, combinavam com marca que era representada simplesmente pelo númeral dentro de uma circunferência e sobre 5 faixas, que faziam alusão as famosas barras multicoloridas televisivas. Nesse momento inauguravam vinhetas, produzidas pela agência Silverhammer, que traziam os elementos naturais como a água, flores e folhas em composições diferenciadas, com muito brilho, luz e cor.

Em 1999, há a primeira mudança visual no intuito de posicionar o canal como uma grande marca. E contrapondo ao excesso de cores, o branco ganhou mais espaço aliado ao conceito de construção com elementos como quebra-cabeças e tijolos. Além disso, estrelas da programação são trazidas para as vinhetas, que ganham uma linguagem mais unificada. Em 2000, novas celebridades foram inseridas em situações ainda mais irreverentes. E a marca foi colocada, não mais sendo construída, mas rompendo barreiras, dentro de uma forte representação de um furo.

Com a batuta de David Pullen, a identidade visual da emissora novamente é modificada com um conceito completamente diferenciado. As cores permaneceram, mas a intenção era, no entanto, tornar a marca mais sofisticada. Por isso, a identidade ganhou mais seriedade, sutileza e um aspecto que se aproximava do padrão americano.

Porém esse sofisticação parece não ter surtido o efeito desejado, já que em 2002, uma verdadeira transformação ocorre novamente na identidade visual. As barras coloridas somem, assim como as cores. Com isso, os grafismos e efeitos computadorizados foram trocados por cortes de cenas do cotidiano juntamente com a nova marca,  basicamente formada por um logotipo em letras minúsculas com uma fonte não serifada. E isso é acompanhada de uma distinta adoção do nome (empregado agora pelo numeral por extenso e sem a palavra “channel”). Em 2004, novas vinhetas foram abordadas com a temática da natureza. Mas a prinicipal diferença foram algumas intervenções gráficas realizadas na construção da marca para uma maior integração com o restante da cena, que antes aparecia branca e de forma repentina. Já em 2006, depois da consolidação dessa linguagem e da própria identidade visual, a palavra five é substituída por outras palavras que tem uma relação direta com as emoções e sentimentos, como: “life” (vida), “fear” (medo) e “love” (amor). Cada vinheta era relacionada a cada uma dessas palavras, que por sua vez, eram ainda mais integradas as cenas. Enquato isso, nas chamadas fazia-se o uso de uma composição minimalista sobre o vídeos ou fundos chapados com muitas áreas limpas e sem qualquer grafismo auxiliar.

Mesmo com o sucesso desse visual contemporâneo e único, em 2008 era hora de renovação e a empresa DixonBaxi foi convocada para promover uma mudança radical na identidade visual do canal Five. Além da produção das vinhetas e chamadas, foi estabelecido inclusive um sólido sistema de identidade para as variadas possibilidades de aplicação no vídeo. Nesse novo visual, voltaram com força elementos pertencentes a história do canal, como a irreverência e o colorido. Com isso, as vinhetas tornaram-se ainda mais bem humoradas, surrealistas e distintas, tanto em técnica como em linguagem. Já o logotipo foi completamente reestruturado. Tornou-se mais robusto e expressivo, principalmente devido ao retorno do elemento circular (elemento aliás amplamente adotado no universo televisivo) e a fonte em caixa alta.

No site This is Five, conta com um rico material detalhado de toda a história visual da emissora, incluindo todas as vinhetas e aberturas em vídeos e fotos desde o seu início e que merecem certamente serem conferidos.

vinhetas five 1997 a 1999vinhetas five 2000 a 2002

vinhetas five 2004 a 2006

chamadas five 2000 a 2002

vinhetas five 2006 a 2008

vinhetas five 2008 a 2009

chamadas five 2008 a 2009

Abaixo, seguem três vídeos que contam um pouco três períodos da história visual da emissora:

>>> Postado por André Luiz Sens

>>> Contribuições: This is Five, //DesignFlakes e TV Ark


Especial Big Brother: Aberturas e marcas de versões internacionais.

título Big Brother Especial

Se você ainda não conferiu os artigos já postados sobre as identidades visuais de versões internacionais do programa Big Brother, acompanhe agora os links correpondentes a cada uma das partes. Obviamente existem outras versões interessantes espalhadas por todo mundo que valeriam um artigo, mas acredito que essas já ilustram como um mesmo projeto, devido muito a questões culturais e hábitos locais, pode ter as mais variadas “visões” literalmente.

>>> Parte 1 - Big Brother da Austrália

>>> Parte 2 – Big Brother do Reino Unido

>>> Parte 3 – Big Brother do EUA

>>> Parte 4 – Big Brother da França e Canadá

>>> Postado por André Luiz Sens

  1. 1
  2. 2
  3. 3